sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Inspiração



Não é na perfeição que inspiramos os outros. Inspiramos os outros com as nossas imperfeições. Aquelas que devemos assumir para nós e para o mundo com autenticidade, nunca através de máscaras ou "personaes". Inspiramos os outros quando agimos fora da nossa zona de conforto. Inspiramos quando partilhamos o processo de alcançar objectivos a que nós propomos. Inspiramos quando vivemos o real no etéreo.